24 de mai de 2010

Enfim eu te odeio.

Eu odeio tudo que você representou, odeio tudo o que você me fez sentir. Eu odeio tudo o que um dia eu já gostei. Odeio seu jeito de olhar pra mim, o seu jeito de falar comigo. Odeio quando você fala coisas bonitas e odeio acima de tudo quando você gosta de mim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário